6 de maio de 2016

Relato sobre a viagem de férias para a Venezuela - Isla Margarita/ Valência ( Tucacas e Chichiriviche)




Como havia dito resolvi fazer um relato descrevendo a minha experiência na ilha, pois sei que ajuda muito quando queremos fazer uma viagem, principalmente para outro país, e você encontra alguém que já foi pra te tirar dúvidas e dar dicas.
É claro que tudo que eu vou dizer será baseado na forma que fui, quem contratei etc, cada terá uma experiência diferente. Neste relato separarei os temas por tópicos, desta forma você só ler o que lhe interessar ;)

Documentos necessários
RG –  você precisara dele para tirar sua “permiso”, uma ficha com seus dados, carimbada na fronteira pela Instituição Venezuelana chamada SAIME. Passaporte não é necessário pois a Venezuela é um país integrante do MERCOSUL, leve ele somente se você estiver sem RG, ou se seu RG tiver com a data de emissão vencida( ter mais de 10 anos)

O permiso será um documento que você apresentará em vários lugares ( barreiras rodoviárias, hotéis, na entrada de alguns parques etc) portanto cuidado para não perder, caso isso aconteça, você deve Ir à uma delegacia e registrar um B.O.

Carteira de vacinação internacional -  Em momento nenhum na viagem, nem no SAIME me pediram a carteirinha, mas eu levei porque em todos relatos que li dizia ser um documento necessário, como as coisas no país são inconstantes, pode ser que na sua vez  eles peçam, portanto leve.
A carteira deve ter o registro da vacina contra febre amarela, se você tiver carteira de vacinação e for vacinado a menos de 10 anos,  apenas leve sua carteira nacional com identidade na ANVISA, lá eles adequarão o registro para a internacional, se não, vacine –se  nos postos de saúde e depois vá ANVISA.

Como fui
Pegamos um vôo até Boa Vista, chegando no aeroporto partimos direto para Santa Elena de Uairén, a cidade venezuelana de fronteira. Fomos de carro com a agente Airla, uma senhora que conheci e contratei antes da viagem, ela trabalha há 10 anos levando turistas para a ilha, auxiliando no câmbio, dando instruções e dicas, conhece a Ilha muito bem! É um amor de pessoa, super prestativa, recomendadíssima, tem um Spin da Chevrolet confortável e leva até 6 pessoas.




De Boa vista até Santa Elena são 2h30 de viagem, custa 50 reais por pessoa

Chegando em Santa Elena, Airla nos levou na Pousada Tukuchupan, para realizarmos nossos câmbios.
Trocamos real por bolívares, no período ( inicio de Março) que fomos a cotação era1 real pra 250 bolívares. Você recebe uma bolada de dinheiro quando troca, é assustador rs mas no decorrer da viagem você vai se familiarizando e andar com bolo de dinheiro se torna natural.
Aqui nos despedimos da Airla e seguimos de Santa Elena até nosso destino com os taxistas da Simone*. A conheci através de seu blog “ Turismo Isla Margarita”, com ela fechamos um pacote com todos os traslados necessários após a fronteira e as hospedagens.De Santa Elena fomos até Porto Ordaz, onde pegamos um vôo direto para a ilha.


De Santa Elena até Porto Ordaz são aproximadamente 7h de viagem de Van ou táxi custa o equivalente à R$150,00 ( por pessoa) e de Porto Ordaz até Margarita são 30min de vôo, a passagem não passa de R$30,00 reais o trecho.

Não fechamos pacote com passeios porque entendemos que o legal da viagem é você ir descobrindo o lugar sozinho pegando dicas com os moradores locais, além disso é muito mais econômico comprar pacotes e fazer passeios comprando direto dos venezuelanos.

Hotel na Ilha

O hotel que nos hospedamos na ilha foi o Hotel Costa linda, o que dizer dele? Excelente! Ele tem arquitetura rústica com toque praiano e ao mesmo tempo colonial, chuveiro com água quente, roupas de cama limpas, quarto bem distribuído, piscina e um restaurante de muita qualidade! Surpreendente, indico sem medo de ser feliz.



Ele está localizado bem próxima a Playa El' agua e outras diversas praias e parques aquáticos. As diárias custam a partir de 9.500 ( quarto matrimonial) bolívares, tipo R$38,00 reais, foi isso mesmo que você leu R$38,00 reais.

Site: http://www.hotelcostalinda.com/ubi.php 
Calle Miragua, Playa el Agua, Isla de Margarita - Venezuela.
Contacto: hotelcostalindabeach@gmail.com.
Tel: + 58 295 249.13.03, 415.99.61, 415.99.62, 415.99.63 / Fax: + 58 295 249.12.29


Passeios na Ilha

Praias e Parques 
Playa Parguito 
No final da rua ficava a Playa El agua,  mar com ondas fortes, bastante coqueiros, com bares e restaurantes próximos, fomos pra lá no primeiro dia. Nos demais fomos pegando sugestão, além das que já tínhamos anotado no nosso roteiro. Como falei mais acima, nossa programação foi bem livre, fomos às praias Zaragosa ( não tão boa e pouco estruturada) Parquito ( uma das melhores na Ilha na minha opinião) Playa El Yaque ( fica a 1h do hotel, muito boa também, bem movimentada, tem música eletrônica rolando, prática de Windsurf e KiteSurf e bem estruturada também)



Playa El Yaque



Parque El Agua é um parque aquático com piscina de ondas, tobogãs de tudo que é jeito, restaurante, bar, você paga o equivalente a R$10,00, salvo engano e pode brincar em todos os "playgrounds" aquáticos, vale a pena, pra quem vai com crianças melhor ainda!

Parque El Agua




Isla de Coche 

Pegamos um táxi até o terminal de embarcações "La Isleta" lá compramos um bilhete de barco que nos levou até a Ilha. Muito bonita, areia branca, mar calmo e água cristalina, tem mergulhos, bananas boat, aluguel de "jet ski" etc.








City tour 

Fizemos o Jeep Safari  que inclui diversos lugares ( sítios históricos, lagoa La Restinga) e finaliza com uma praia, a Playa Punta Arena  ela é distante,pouco visitada, pra quem gosta da sensação de praia deserta é uma boa. 
Na ida o motorista pega atalhos e te leva a caminhos fora da estrada, com um percusso bastante acidentado, é muito animado! a sensação é de esta em um rally e o motorista é empolgadíssimo rs.

Este passeio custa aproximadamente R$ 90,00, inclui cerveja, água, refrigerantes e almoço, retornamos no meio da tarde

Pontos históricos: La Assunción, Castillo de Santa Rosa, Iglesia El Valle del Espíritu Santo.







La Restinga
É um lago enorme muito bonito, rodeado de mangues. É o habitat natural das estrelas do mar :)






Bom, permanecemos na Ilha por 8 dias, no 8° dia pegamos um vôo até a cidade de Valência.
A cidade em si não tem atrativos, é grande, urbanizada, tem grandes indústrias etc. Chegando no aeroporto já fomos atrás de táxi para nos levar até a cidadela Tucacas/Chichiriviche

Tucacas fica a 1h30 de Valência, táxi custou 10.000 bolívares,  aproximadamente R$40 reais.

Porque Tucacas/Chichiriviche?

Porque são cidades que abrigam as praias mais paradisíacas da Venezuela!
As praias ficam nas ilhas ou "Cayos" como eles nomeiam. Em Tucacas está localizado o Parque Nacional Morrocoy, que abriga diversas ilhas com praias belíssimas. Tanto Tucacas quanto Chichiriviche você encontrará essas ilhas.

A cidade de Chichiriviche fica a 30min de Tucacas, de táxi custa uns 4.000 bolívares, aproximadamente R$16,00.


Hotel em Tucacas 

Ficamos no Hotel The Mountain, muito bem localizado perto de padarias, restaurantes, farmácia, mercadinhos...O prédio é novo, bons quartos, limpo, tem uma piscina e área externa bem legal e o melhor do hotel: O restaurante! 
Ele é sensacional, comida boa e barata no melhor sentido que essa expressão pode dar. Recomendadíssimo!





Parque Nacional Morrocoy 

Para ir as "cayos" você deve ir à um terminal de embarcações e alugar um barco. Em Tucacas visitamos 4 ilhas e no decorrer da visita você escolhe em qual quer ficar, lá ficamos na Cayo Sombrero a mais bonita e estruturada. E em Chiciriviche, depois de fazer o mesmo procedimento desembarcamos em Cayo Muerto. 

O aluguel do barco em Tucacas para a visitas as ilhas custa em média 20.000 bolívares o equivalente a R$ 80,00 reais. Em Chichiriviche fomos em 2 ilhas custou 8.000 bolívares, 30 e poucos pilas.




Gente vale lembrar que fomos em 7 pessoas minha familia e namorado, então esses valores de táxis nós cotizamos, no caso dos passeios se cobra por pessoa. Os custos da viagem para Isla Margarita já são bem em conta, imagine se você juntar uma galera legal? perfeito. 

Espero que tenha ajudado, qualquer dúvidas estou disposta a tirar rs, abaixo segue os telefones das pessoas que nos prestaram serviços e outras opções de passeios.

AIRLA 
SERVIÇO DE TAXI BOA VISTA/SANTA ELENA E CONSULTORIA ( 95)-91230575 

SIMONE
PACOTES, HOSDEPAGENS E PASSEIOS NA ILHA (58) 412- 1964490

PASSEIOS

Jeep Safari: Dá uma volta completa na ilha, visita a um Forte, igreja da padroeira da Ilha, passeio de barco na Lagoa "La Restinga", fica umas 2h na praia "Punta Arenas". R$90,00 por pessoa, com tudo incluso (bebidas, almoço). (Maiores informações aqui)
Passeio à Ilha de Coche: percorre mais ou menos 1h em catamara e passa umas 5h na praia de Coche (ilha próxima a Margarita). R$100,00 por pessoa, com tudo incluso (traslados, lancha, bebidas, almoço). (Maiores informações aqui)
Passeio à Ilha de Cubagua: Essa é a terceira ilha que, juntamente com Margarita e Coche, forma o Estado Nueva Esparta. Cubagua esteve submersa por uns anos e depois emergiu outra vez. Lá havia uma das primeiras cidades fundadas na América, Nueva Cadiz. Faz-se atividade de barroterapia. R$100,00 por pessoa, com tudo incluso (traslados, lancha, bebidas, almoço, material para fazer snorkelling, atividade de barroterapia). 
Snorkelling em Los Frailes: Grupo de pequenas ilhas próximas a Margarita (20 min. em lancha). Tem água muito cristalina. 3 paradas para fazer snorkelling. R$100,00 (snorkelling), R$160,00 (mergulho com cilindro) por pessoa, inclui traslado em lancha, bebidas, almoço, material para fazer snorkelling e / ou mergulho. (Maiores informações aqui)
Nado com golfinhos: No parque aquático Waterland. São 30 min. de nado, com prévia instrução de 30 min. R$90,00 por pessoa para nadar (os que vão ver pagam R$20,00 cada um). (Maiores informações aqui)
Tour de Compras: Margarita é Porto Livre, motivo pelo qual as compras são também uma atração para os turistas. O tour de compras leva você para o maior shopping da ilha (Sambil), para o popular Mercado de Conejeros - ideal para comprar lembrancinhas, camisetas e conhecer um pouco da cultura local - e para o centro, Av. 04 de Mayo e Santiago Mariño, onde encontram-se variadas lojas de grife com bons preços. R$100,00 (preço por veículo, até 4 pessoas). 
Tour Colonial: Conheça um pouco da história e cultura da ilha e da Venezuela. Visita ao "Castillo Santa Rosa", Igreja da "Virgen del Valle", Forte "San Carlos Borromeo", contemplação do pôr do sol no "Fortín de la Galera" em Juan Griego. R$100,00  (preço por veículo, até 4 pessoas). (Maiores informações aqui).
Tour de praias: Conheça a diversidade de praias de Isla Margarita! Para todos os gostos! Playa Guacuco, Parguito, Playa El Agua, Manzanillo, Contanza y Zaragoza. R$100,00 (preço por veículo, até 4 pessoas). 
Tour Noturno: Venha conhecer a Ilha de Margarita de uma forma diferente, em sua vida noturna. Inclui Passeio Noturno em La Asunción (capital do Estado), Pampatar (bairro de intensa vida noturna) e Playa Moreno (bairro charmoso) - terminamos com a chegada (e entrada inclusa) na discoteca Bora-Bora; Open bar de bebidas nacionais (vodka, cerveja, rum, refrigerante, água e sucos); Lanche; Entrada para a Discoteca Bora-Bora; A melhor música e animaçao!!! R$90,00 (maiores informações aqui)

Full Day Los Roques: Los Roques é um arquipélago venezuelano super paradisíaco que fica a mais ou menos 50min. de vôo de Margarita. Este passeio sai de Margarita cedinho de manha e volta no final do dia. É um passeio com tudo incluso: bilhetes aéreos ida e volta, recepção lá, almoço a base de peixe fresco, bebidas e lancha para passeio às ilhas próxima. A tarifa por adulto é de U$290,00. (maiores informações aqui)



10 comentários:

  1. Thalyta, boa noite. Achei muito esclarecedora sua postagem! Estava pensando em ir de carro da Margarita, saindo de Manaus, mas agora estou revendo a viagem por avião x translado contratado. Uma dúvida, estes valores que você cita com a Simone (150,00 por pessoa) é somente ida ou ida e volta? Para voltar elas fazem o mesmo trabalho?

    Grata e abraço; Ana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tanto ida como volta Ana, 150 ida, 150 volta. Mas caso você feche pacote isso já vai incluído no valor total :)

      Excluir
  2. Thalyta, outra coisa, rs. Vi pelo hotel que vocês não preferiram o 'all inclusive'. A alimentação lá é tranquila? no geral, você gastou quanto por dia com alimentação? Estou dividida entre hotel normal ou o all inclusive. Obrigada;

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana paula, nós não fomos pra hotel "all" porque ninguém passa a viagem entocada no hotel né? hauhaah e se fosse isso, ficaríamos presos porque em um passeio durante o dia ter que voltar pro hotel SÓ pra almoçar..ou em passeio a noite pela cidade.. entende? O legal é ir em restaurantes, comer na praia, ir a barzinhos. Quanto a alimentação na Ilha não vi problema, comi muito bem, a comida é simples nas praias mas não são ruins, peixe ou camarão, lagosta, frango com arroz e salada, e em restaurantes tem de tudo desde massa até carnes e pratos mais elaborados, valores variam mas não são caros, variam entre 2.500 bolivares a 10.000 ( de 10 a 40 reais) ;)

      Excluir
    2. Maravilha, obrigada pelas informações! Beijão, valeu.

      Excluir
  3. Oi, Thalyta!

    Parabéns pelo relato, ficou muito útil para pessoas que pretendem viajar a Margarita.

    Obrigada por citar nosso trabalho! Só um porém: se vc puder corrigir, nosso blog é o "Turismo Isla Margarita", ok? Lá no começo do post.

    Grande abraço para todo o grupo!

    ResponderExcluir
  4. Sabendo que a Venezuela está em crise isso afetou sua viagem de alguma forma, viu aumento de preço nos produtos, serviços e principalmente comida?

    atenciosamente,
    Joao

    ResponderExcluir
  5. Sensacional!!! VEnezuela Linda!! MARAVILHOSA...Sou suspeito falar...estive em Isla Margaritas em um momento muito especial de minha vida, esposa e filhos. VALE destacar que este relato refere-se ao período de baixa temporada (Março de 2016). Para alta temporada - Julho-Agosto ...Dezembro-Janeiro - os valores citados devem ser acrescidos em 100% para cada orçamento, evitando assim surpresas não contabilizadas!! Na alta temporada, pode ser que passe por perrengue também pra encontrar um bom hotel ou pousada no estilo citado pela linda Thalita !!!

    ResponderExcluir

dá pitaco