Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2008

Negativo

Pra tua ressaca
Pras marcas
Bebida
Ensaca
Barcas
De uma vida atrevida
Que agora jaz consumida
No despautério
Tentando fundar cemitério
Íntimo
Fazer ínfimo
O infinito
Quando era mais bonito
A embriaguez de um respirar mútuo
Que a morbidez de negar pra si
Não creio no óbvio
No lado de cá
Nuvens
Urgem
Deletam o filme que corre
E me levam pra além do hoje
E me confortam , suspiro e respiro
Delícias que ainda não saboriei
Amanhã


Falando de integridade física e não moral

Engolir sapos é uma atitude que reflete humildade, consciência pelo contexto, pela atual conjuntura seja ela qual for , é ter respeito...mas depende do tamanho do sapo que engolimos se ele ultrapassa o debate verbal e chega no físico esse sapo não pode passar pela garganta, ele é grande demais também não podemos enfiá-lo goela abaixo do oposto como uma forma de rebate , isso não é nobre, porém alguma reação há de ter e que seja a melhor possível pelo caminho do bem, deixo claro a melhor possível é aquela tomada por ambos os lados,por um só a ação é nula.Não estamos mortos ou não podemos agir como um.


- as vezes eu odeio policiais mas odeio bandidos, ''odeio'' porque eu acho que não sei sentir ódio de fato e isso não me torna Deus sou até pior por isso talvez, eu não tenho inimigos os que chegam próximo disso eu chamo de indiferentes , '' não fedem e nem cheiram ''.


Dejavú