6 de outubro de 2008

Falando de integridade física e não moral

Engolir sapos é uma atitude que reflete humildade, consciência pelo contexto, pela atual conjuntura seja ela qual for , é ter respeito...mas depende do tamanho do sapo que engolimos se ele ultrapassa o debate verbal e chega no físico esse sapo não pode passar pela garganta, ele é grande demais também não podemos enfiá-lo goela abaixo do oposto como uma forma de rebate , isso não é nobre, porém alguma reação há de ter e que seja a melhor possível pelo caminho do bem, deixo claro a melhor possível é aquela tomada por ambos os lados,por um só a ação é nula.Não estamos mortos ou não podemos agir como um.


- as vezes eu odeio policiais mas odeio bandidos, ''odeio'' porque eu acho que não sei sentir ódio de fato e isso não me torna Deus sou até pior por isso talvez, eu não tenho inimigos os que chegam próximo disso eu chamo de indiferentes , '' não fedem e nem cheiram ''.



5 comentários:

  1. Findam igualando-se... engolir ou não... no final parace que nada aconteceu... isso é ruim.

    ResponderExcluir
  2. é realmente complicado.
    a gente tipo, não consegue agir,
    sem que haja uma reação oposta.
    é sempre assim.
    mas a gente vai aprendendo a viver
    e a ficar imune a tudo issO.

    ResponderExcluir
  3. Qd a gnt deixa que a nossa integridade física ou moral seja lesada, é como se começasse a permitir-se ferir e assim acabamos acostumando a não nos defender.
    É preciso ter cuidado para perceber a diferença entre ter bom senso e ser permissivo.

    Que bom que voltou a postar. Adoro.
    Bjo.

    ResponderExcluir
  4. que nem o Dove sem perfume: não fede e nem cheira
    =)

    ResponderExcluir
  5. Dove sem perfume. A Kaline é idiota! "Miii"

    X1

    ResponderExcluir

dá pitaco