22 de julho de 2016

Nos dias nem tão raros de tristeza, sinto ele pulsar nas mãos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

dá pitaco